41 3085-8810 contato@sinergiaengenharia.com.br

Captação de água de chuva, um modo prático e de baixo custo que ajuda na economia de água!

Como captar água da chuva em seu empreendimento ou em sua residência?!

Atualmente a cidade de Curitiba e região metropolitana estão sofrendo uma época de grande seca, os rios que abastecem a cidade estão em níveis muitos baixos e como consequência a concessionária de abastecimento da água (SANEPAR), está tendo que fazer rodízio de água em diversos bairros da região, para tentar reduzir o consumo.

A falta de chuva é explicada pela ação das frentes frias que passaram pela região durante a primavera e o verão. Atuando com mais intensidade na região sul do país, as massas de ar trouxeram altas pressões atmosféricas, resultando em um tempo seco e com pouca chuva prejudicando o fornecimento dos principais rios que abastecem a região.

Uma forma de podermos minimizar essa situação seria a captação da água da chuva, um recurso que pode ser usado tanto para empreendimentos de pequeno, médio e grande porte e em residências, variando assim a estrutura do equipamento para a captação de acordo com sua demanda.

Um dos modos mais comuns e gerais quando falamos em utilizar a água da chuva é a instalação da cisterna, ela é composta por um reservatório que faz a captação da água pluvial e a armazena em um tanque que pode ser de alvenaria, plástico ou de fibra de vidro. A cisterna funciona do seguinte modo: a água da chuva é levada pelas calhas a um filtro, que eliminará mecanicamente impurezas (folhas e galhos). Um freio d’água impede que a entrada de água na cisterna agite seu conteúdo e suspenda partículas sólidas depositadas no fundo. Para captar o conteúdo do interior da cisterna, é necessário o auxílio de uma bomba e conjunto de sucção, a água é levada para caixa de água superior, por onde passa por outra filtragem, porém vale relembrar que as águas armazenadas se tratadas conforme a legislação podem ser consumidas, se no caso ela não for tratada é possível ser usufruída apenas para usos secundários como lavagem de carros, irrigação de jardim, reserva adicional para combate a incêndio e outros usos domésticos e industrias.

As cisternas de grande porte geralmente são enterradas para evitar a incidência de luz solar e consequentemente a proliferação de micro-organismos. Entretanto, existem modelos de cisternas que não precisam ser enterradas, diminuindo o custo de instalação, já que não são necessário obras.

Vantagem

  • Atitude ecologicamente responsável, pois permite o aproveitamento da água da chuva, diminuindo sua pegada hídrica (rastro que deixamos ao consumir água direta e indiretamente);
  • Pode ser instalada em ambiente rural e urbano;
  • Economia de 50% na conta de água;
  • Há modelos de cisternas variados de acordo com sua necessidade (80 litros, 1.000 litros e até 16 mil litros);
  • Valorização da empresa ou do imóvel;

 Desvantagem

  • As calhas devem ser limpas (impedir contaminação de fezes de ratos ou animais mortos) e mantidas em boas condições;
  • O interior da cisterna deve ser limpo periodicamente;
  • A instalação, quando ligada à rede de encanamentos da casa, precisará de um profissional para rearranjar os encanamentos;
  • Custo de instalação será maior caso seja subterrânea;

Se você for proprietário de uma empresa além de estar contribuindo para um menor consumo de água poderá ganhar pontos se no caso você queira que seu empreendimento tenha um certificado LEED, a captação da água da chuva é um dos tópicos da pontuação desse certificado. Para saber mais acesse esse site o qual explicará um pouco sobre o que é o LEED e suas vantagens (https://bit.ly/2Ga49R8).

Interessante citar que em Municípios como Ponta Grossa a construção de uma cisterna já é obrigatória em algumas situações conforme o Decreto nº 7.673 de 2013.

Gustavo Gonçalves Pedro é acadêmico de Engenharia Ambiental da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Increver-se
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Notícias relacionadas

Ver mais notícias

Assine nossa newsletter

Cadastre seu e-mail e receba conteúdos exclusivos da Sinergia Engenharia!

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x