41 3085-8810 contato@sinergiaengenharia.com.br

Resíduo de gesso, o que pode ser feito?

A matéria-prima para a fabricação do gesso é o minério chamado gipsita. O Brasil possui a maior reserva mundial desse minério e possui um diferencial pela pureza desse material de 98%. As reservas de gipsita se concentram na região nordeste, mais precisamente no estado de Pernambuco, que fornece mais de 90% de todo o gesso produzido no país.

Devido as suas características e propriedades, o gesso possui diversas aplicabilidades na construção civil como: revestimentos de paredes e tetos, decoração de interiores, forro para paredes de fechamento em gesso acartonado, placas para rebaixamento de teto, painéis para divisórias, entre outros.

Até 2011, o gesso era classificado com resíduos classe “C” pela Resolução CONAMA nº 307 de 2002, classe de resíduos para os quais não estariam disponíveis tecnologias economicamente viáveis para sua reciclagem e recuperação. Em 2011 foi divulgado uma nova Resolução, a CONAMA 431, com um novo texto em que as sobras de gesso passaram a ser consideradas recicláveis e portanto, reclassificadas como classe “B”.

Um estudo feito pela Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP, mostra que o resíduos de gesso pode ser reciclado inúmeras vezes sem perder suas características, essa reciclagem é feita em duas etapas a moagem e calcinação e após essas etapas ele pode voltar ao processo produtivo novamente. Quando o material é submetido somente à moagem, ele pode ser utilizado como fertilizante e destinado pra a agricultura, onde é utilizado como corretivo da acidez do solo ou até mesmo como um adicional do cimento no qual tem a função de tornar a mais lenta a secagem do mesmo.

Em Colombo, região metropolitana de Curitiba tem uma empresa que processa o material até que vire pó e encaminhado à agricultura e à indústria de cimento porém ainda falta uma conscientização por parte da construtora em separar corretamente esses resíduos. Quando o material é misturado a outros rejeitos da obra, fica inviabilizada a reciclagem e o material acaba indo para o aterro.

A disposição incorreta dos resíduos de gesso pode acarretar passivos ambientais. A reinserção do gesso no ciclo industrial além de ser uma destinação adequada pode diminuir despesas com a logística entre jazidas do estado do Pernambuco até o Paraná.

Maíra Caires Aquino é Engenheira Ambiental e Especialista em Construções Sustentáveis. 

Maíra Caires Aquino
Maíra Caires Aquino
Engenheira Ambiental e Especialista em Construções Sustentáveis

7
Deixe um comentário

avatar
  Increver-se  
Notificar-me
Natalia Prado
Natalia Prado

Olá, sou a Natalia, aluna de Engenharia Civil, me interessei muito pelo o conteúdo, pois faço uma Iniciação Científica sobre a reutilização do gesso, e dos seus danos ao meio ambiente, e sempre visamos a economia dos nossos projetos. A Iniciação Científica foi para o 10° Congresso Regional, como um dos trabalhos com maior desenvoltura voltado para o meio ambiente.
Quem se interessar em saber um pouco mais sobre nossos estudos, o meu email é natalia_prado@outlook.com
Atenciosamente;

laurismundo
laurismundo

Olà, sou boa noite, meu nome é laurismundo estou iniciando uma pesquisa sobre a reutilização do gesso na construção civil, estou lendo achando bem interessante que me aprofundar nessa pesquisa gostaria de saber mais detalhes. se teria como você me passar? meu email: laurismundosilvafernandes@gmail.com

Eduardo Marcelo Estorti
Eduardo Marcelo Estorti

Temos gesso que utilizado para fazer estamos cerâmicos não tem onde descartar gostaríamos de encontrar na nossa região alguma reciclagem que compre o produto para reutilizar

JOÃO CARLOS ZAMPIER
JOÃO CARLOS ZAMPIER

Olá pessoal, sou de Guarapuava-PR, e possuo uma Empresa de Gesso. Há tempos venho desenvolvendo uma máquina Recicladora de Gesso, para reutilização na própria atividade da Construção Civil. O conjunto é composto de um Triturador e uma Calcinadora. Já estamos utilizando o gesso reciclado em várias frentes de trabalho, como: Molduras, Revestimento de paredes, Rejuntamento de placas, Fabricação de Placas, Placas Decorativas, etc., com sucesso! A máquina está patenteada e funciona à lenha ou qualquer outro tipo de energia. Gostaria de trocar idéias para a utilização também na Agricultura, pois a nossa região é eminentemente agrícola.

tala bueno
tala bueno

tenho uma quantidade grande por mes de gesso aqui em nossa cooperativa em hortolandia sp. tem alguem que compra esse residuo?

ANDRESSA DOMINGUES
ANDRESSA DOMINGUES

Temos uma distribuidora de gesso e trabalhamos com molduras também.
Gostaríamos de encontrar na nossa região alguma reciclagem que utlize o descarte do produto.
ARTEX GESSO Leme SP.

Notícias relacionadas

Ver mais notícias

Assine nossa newsletter

Cadastre seu e-mail e receba conteúdos exclusivos da Sinergia Engenharia!